Buscar
  • Thais Bairros

Espírito ecológico e Mottainai



"Mottainai é o termo japonês que transmite sensação de pesar em relação ao desperdício." A palavra tem origem budista e xintoísta, mas não tem tradução exata. É uma filosofia de vida que faz parte da cultura japonesa há milênios e está intrinsecamente ligada à essência de tudo no mundo.


Basicamente é uma palavra que sinaliza que cada pequena coisa tem uma alma, por isso nada pode ser desperdiçado - sendo material ou imaterial. Mottai - de origem budista - refere-se à essências e significa que nada existe isoladamente e tudo está ligado de alguma forma. Já Nai significa negação em Shinto. Juntando as partes, temos a ideia do rejeitamento dos praticantes em relação ao desdém das pessoas, em geral, pelos laços que ligam todas as entidades vivas e não vivas.


O conceito de Mottainai foi desenvolvido por meio de muita dor e sofrimento do povo japonês e foi essencial para a sobrevivência e para o crescimento do país. Se for analisar, pode-se ver que o Japão é uma ilha densamente habitada, de recursos naturais limitados, com poucas terras produtivas para cultivo e que já passou por pobreza extrema, fome, guerras e desastres naturais, e, apesar de tudo isso, se mantém e é um país à frente de seu tempo, por passar a valorizar até o que pode parecer insignificante.


Exemplos práticos cotidianos disso no país nipônico são: a coleta seletiva, o uso de energias limpas, o boro - reaproveitamento de tecidos por meio de métodos de costura japoneses até se deteriorarem completamente-, o fato de culturalmente não deixarem sobrar um grão de arroz que seja no prato, entre tantos outros fatos. Afinal, como a vencedora do Nobel da Paz de 2004, a ambientalista e professora Wangari Maathai, mencionou, nossos recursos na verdade são das gerações futuras e estamos apenas emprestando-os, sendo assim, é responsabilidade da geração presente assegurar que as próximas terão o direito de aproveitá-los.


Porém, Mottainai não é somente sobre desperdício de recursos, mas também sobre padrões de pensamento que dão origem a ações que geram desperdícios - incluindo emocionais e espirituais -, visto que reflete no respeito ao ser humano, à natureza e ao espírito. Essa filosofia ensina a não desperdiçar o tempo, palavras e até sentimentos com o que não agrega e/ou fará mal de alguma forma.


Por que então não praticar o Mottainai nas mínimas coisas? No fim das contas, são as pequenas coisas que fazem a grande diferença e que podem te fazer bem e deixar o mundo um lugar melhor e mais saudável de se viver.


232 visualizações

Siga a gente:

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Instagram Icon